Fórum de megatendência e design de superfície…

As Tendências de Morar e Viver das Novas Gerações em um Mundo Sustentável

Verificar o olhar sobre os comportamentos e as tendências de consumo das novas gerações em um mundo interconectado, urbano, informado e dependente cada vez mais das tecnologias para MORAR E VIVER: o “neo-consumidor”.
Mostrou caminhos de como visualizar uma tendência, transformá-la em projeto e desenvolver o produto, além de informar como planejar/projetar o negócio considerando um conceito global e transformá-lo em local, à partir dos hábitos do consumidor brasileiro.

Com um publico formador de opinião, entre empresários e profissionais ligados às áreas de arquitetura, design, decoração, construção, pesquisa, comunicação, mídia, internet, marketing, desenvolvimento de produtos e serviços o 2º Design Forum Megatendências discutiu o comportamento das atuais Gerações diante do cenário de um mundo globalizado, mais urbano, com uma população mais densa e concentrada, que vive nas mega-cidades e depende cada vez mais das tecnologias para sobreviver.
Depois de muitas transformações efetuadas pelo homem, o planeta passa a exigir mudanças nos hábitos de vida e, conseqüentemente, de consumo. Exige que nos transformemos em uma espécie melhor, que proteja e preserve o planeta, com uma visão consciente exigindo produtos e serviços desenvolvidos com responsabilidade social e contrário ao que prejudique o meio ambiente.

Giorgio Bersano e Roberto Panzarani, vieram da Itália e troxeram uma visão européia sobre tendências e business innovation. Junto a eles Guto Requena e Rodrigo dos Reis falaram sobre o comportamento do consumidor, as novas famílias e as gerações X, Y e Z.

Conhecer as novas gerações é fundamental para atender o consumidor do futuro. Mas Giorgio Bersano contrapôs que é impossível produzir em série para nichos e que as grandes empresas como a Ikea preferem um consumidor mais uniforme.

Roberto Panzarani falou sobre business innovation e como as empresas e profissionais podem olhar e trabalhar o futuro de seus negócios, com uma visão do intangível.

Outros destaques foram as apresentações de José Paim de Andrade, presidente da MaxCap, contrutora dos empreendimentos MaxHaus, com o perfil de arquitetura aberta. Elizabeth Wey, presidemte do Comitê Brasileiro de Cores trouxe informações sobre as tendências da cartelas de cores e Carolina Piccin, falou sobre os materiais sustentáveis, como e onde podem ser encontrados

O Design de Superfícies é a área do design que projeta texturas bi e tridimensionais (texturas visuais e táteis) para diferentes superfícies, explorando novas soluções estéticas e funcionais para os diferentes materiais, produtos e processos de execução. Estamos diante de um vasto e novo campo para atuação do profissional de design. “Cheio de oportunidades!” Conforme disse a especialista Renata Rubim.

O 2º Design Forum Superfícies – As Superfícies que estão nas Ruas, traz novamente a debate as oportunidades e os campos de aplicação para o designer de superfícies. Em um só dia os principais profissionais deste setor tão abrangente, que atuam desde o segmento têxtil ao automotivo, passando pelas cerâmicas e revestimentos, pisos, acabamentos, indo para os vidros, papéis, metais e outros que nem se imagina ter a atuação de um profissional de design.

O evento apresentou à indústria e ao mercado a importância da sua aplicação em diversos segmentos, tão difundida no mundo todo, e ainda pouco conhecida no Brasil. Profissionais de diferentes áreas poderam assumir uma função importantíssima dentro das empresas que podem decidir uma grande virada em seus negócios.

O Design de Superfície está presente nas nossas vidas desde o momento em que acordamos até o momento em que adormecemos. As pessoas tocam, sentem, olham, testam e experimentam diversas sensações.

No Brasil, o Design de Superfície ou Surface Design é praticamente desconhecido. Essa designação é amplamente utilizada nos Estados Unidos para definir todo projeto elaborado por um designer, no que diz respeito ao tratamento e cor, utilizados numa superfície, industrial ou não.

Camila Lamberti

Designer e Gerente de produtos, Camila Lamberti atua em uma empresa de grande porte do setor cerâmico nos estados de São Paulo e Bahia e tem como foco a pesquisa de tendências e conceitos que conquistem os consumidores. Com isso, Camila está sempre um passo a frente em relação às novidades do mercado de produtos para arquitetura, decoração, design e acabamentos.

Você pode gostar...