Categoria: Design Cerâmico

Cerâmicas Brasileiras na CERSAIE 2009

Cerâmicas Brasileiras na CERSAIE 2009

Cerâmicas Brasileiras fazem sucesso na feira da Cersaie 2009 em Bologna – Itália. Cersaie é o Salão Internacional da Cerâmica para a Arquitetura e Construção. Considerada uma das tendências em Arquitetura e Design. A...

Apresentação – Catálogo Virtual porcelanato

Apresentação – Catálogo Virtual porcelanato

A intenção ao criar um catálogo de cerâmicas é divulgar a coleção 60×60 porcelanatos do Grupo Incefra para arquitetos, especificadores de arquitetura e interessados; É uma tentativa de demonstrar por meio de amostras do próprio produto texturas, cores e características dos novos materiais, cujo objetivo final é facilitar o reconhecimento e a seleção dos produtos. O desenvolvimento de um “catálogo” virtual com o conceito de cada linha é o objetivo final deste projeto.

O objetivo deste trabalho é aproximar toda criatividade do especificador às qualidades técnicas e únicas de cada produto em sua essência de criação.Tendo em vista o desafio de atrair a atenção de um público qualificado como o detalhamento do produto para este tipo de material, o catálogo virtual proposto incluirá imagens com elementos comuns do dia a dia com o objetivo de refletir o caráter questionador e sua capacidade de estabelecer novas relações com o produto e se familiarizar com o conceito.

DESIGN CERÂMICO

DESIGN CERÂMICO

O consumidor busca produtos que ousam trazer algo além de sua função básica. O projeto de produto deve agregar valor, sejam eles estéticos, funcionais, técnicos, culturais, e emocionais. Na interface homem-objeto se faz necessário o uso de elementos, como: textura, cor, forma, sabores, cheiros, sons e os movimentos. O produto passa a ter valor simbólico, estimulando todas as sensações humanas como: a visão, a audição, o tato, o paladar e o olfato.

Catálogo Virtual de Porcelanato

Catálogo Virtual de Porcelanato

A maneira definida para transmitir o conteúdo do catálogo virtual tem a intenção de propor uma visão mais ampla das linhas e conceitos dos produtos e coleções por meio da percepção de imagens e sons. Esta percepção é estimulada pela relação entre a linguagem do objeto com a metalinguagem utilizada para se obter o know how ou conceito da coleção. Segundo Pignatari (2002, p.48), “metalinguagem adequada (voltada que está para o “conceito”, o “conteúdo”, a significação”). O criador está dentro da linguagem; o crítico, por fora. O criador se alimenta das raízes da linguagem, o crítico, de suas folhas, flores e frutos.
A linguagem do catálogo pretende demonstrar requinte, sofisticação e qualidade para um público mais elitizado, pois os mesmos tem um repertório diferenciado. Segundo Pignatari (2002, p.87), “a alteração nasce de fatores quantitativos, pois a massa vai criando e impondo sua própria linguagem, elaborando seu próprio repertório, muitas vezes em oposição critica á chamada cultura de elite.

O AZULEJO

O AZULEJO

segue um breve histórico do azulejo Português com exemplos de peças da época.

A arte da cerâmica esmaltada pode ser encontrada em países como a Espanha, Itália, Holanda, Turquia, Irã, Marrocos, mas em nenhum outro país o azulejo teve um papel tão importante na economia de uma nação como em Portugal. Este foi o país que mais desenvolveu as formas e a funcionalidade deste tipo de faiança, ultrapassando sua primordial concepção, apenas decorativa.

Design como Arte

Design como Arte

O processo industrial e a contribuição do design

No período pós-revolução industrial, a concepção dos novos produtos voltou-se ás metodologias projetais da Engenharia, cujo objetivo principal era a funcionalidade.
Com o aprimoramento dos processos de comunicação, o mercado tornou-se mais competitivo, os produtos da produção em série passaram a ter praticidade, contudo a demanda ficou mais exigente, de modo que a funcionalidade passou a ser mais um detalhe para suprir o mercado. As atuais metodologias do processo de Design buscam constantemente novos métodos que possibilitem idéias inovadoras e criativas, em todos os estágios projetais.
O consumidor busca produtos que ousam trazer algo além de sua função básica. O projeto de produto deve agregar valor, sejam eles estéticos, funcionais, técnicos, culturais, e emocionais. Na interface homem-objeto se faz necessário o uso de elementos, como: textura, cor, forma, sabores, cheiros, sons e os movimentos. O produto passa a ter valor simbólico, estimulando todas as sensações humanas como: a visão, a audição, o tato, o paladar e o olfato.

PAINEL DE DESIGN

PAINEL DE DESIGN

O Painel de Design que acontece no III Congresso da Indústria Cerâmica de Revestimento, trará temas como: “Conceitos de Design”, desenvolvido por Camila Lamberti – gerente de Produtos do Grupo Incefra; “Técnicas de desenvolvimento: idéia, projeto e produto”, por Luciana Amaral, SRS; “Design sustentável”, proferido por Eloísa Pessina – gerente do Departamento de Produtos, da Fritta SL; e “Tendências e influências: têxtil, mobiliário, arquitetura etc.”, por Kuka Rodrigues Pinto, coordenadora de Design e Novos Projetos, da Newton. Também é importante citar, as palestras: “Tempos de crise e a força do design” e “Novas técnicas de decoração”, esplanada por Júlio Napoli, do Laboratório de Design da Esmalglass;

Desenvolvimento e Design de Revestimentos Cerâmicos na Prática Industrial

Desenvolvimento e Design de Revestimentos Cerâmicos na Prática Industrial

O desenvolvimento de um produto é uma atividade extremamente complexa e multidisciplinar que envolve conceitos de marketing, arte, economia, informática, tecnologia cerâmica, etc.

Durante muitos anos as empresas do Pólo de Santa Gertrudes, de um modo geral, não deram o devido valor a essa importante atividade. Nos últimos anos, com o acirramento da competição entre as empresas, o desenvolvimento de produtos tem ganhado cada vez mais espaço nas indústrias de revestimentos cerâmicos e, com o apoio das empresas fornecedoras de insumos, é hoje uma das atividades que mais tem crescido nesse setor. Este mini-curso abordará todas as etapas envolvidas no desenvolvimento de produtos, desde a identificação de uma oportunidade de mercado até a concretização do produto em provas semi-industriais.

A importância de fazer a devida identificação da necessidade do mercado e das tendências, seguido da escolha de uma boa gráfica conciliada com a realidade e condições que ela será produzida.

NASCE NOVO SITE DE NOTÍCIAS SOBRE DESIGN E ARQUITETURA

NASCE NOVO SITE DE NOTÍCIAS SOBRE DESIGN E ARQUITETURA

Estou inaugurando um novo site de notícias sobre Arquitetura, Design de produto, Design cerâmico e Design de superfície  e gostaria de receber das assessorias informações sobre lançamentos, tendências, feiras, entre outras novidades. Os contatos...